Questões do Concurso PM-PR comentadas e analisadas (Português) - Concurso Policial - o passo-a-passo para se tornar policial

Material de Estudo

Questões do Concurso PM-PR comentadas e analisadas (Português)

Capitão Danillo
Escrito por Capitão Danillo
Questões do Concurso PM-PR comentadas e analisadas (Português)
Dicas e técnicas para chegar à aprovação mais rápido

Aprenda a se preparar para o seu Concurso Policial:

Resolver questões é uma das mais importantes táticas de preparação para o concurso da polícia. Enquanto ler o conteúdo programático pode ser considerado a parte teórica, resolver questões é a parte prática da sua preparação.

Quanto mais questões você resolver, maior será sua capacidade de identificar o que realmente cai na prova do concurso, como a banca organizadora cobra os conteúdos e qual a profundidade que cada assunto é cobrado.

Investir seu tempo resolvendo questões é uma forma muito inteligente de melhorar seu desempenho no concurso.

Por isso hoje trago 5 questões de Língua Portuguesa comentadas, todas elas que caíram em concursos anteriores organizados pela Universidade Federal do Paraná, banca organizadora do concurso PMPR.

Selecionei questões de três tipos que comumente estão presentes no concurso dessa banca. A ideia é que você se prepare desde já para o método que será utilizado na prova.

Além de comentar as questões, vou falar um pouco sobre os tipos de que selecionei. Confira:

Questões de Lacuna

Questões Concurso PM-PR

O primeiro tipo de questão é o que chamo de questão de lacuna, em que um texto é apresentado com espaços para que o candidato indique quais palavras ou expressões devem completar o sentido do texto.

Nesse tipo de questão, você precisa ficar muito atento ao contexto em que a palavra/expressão deve ser inserido. Deve ler atentamente tanto o que vem antes quanto o que vem depois da lacuna.

Uma dica para resolver esse tipo de questão é substituir a palavra indicada na alternativa por sinônimos, para verificar se o contexto fica melhor “encaixado” ma palavra.

Confira a seguir duas questões anteriores da UFPR com esse tipo de questão, uma na prova de oficiais PMPR (2018) e outra na prova da Prefeitura de Matinhos-PR (2019).

Questão UFPR 2018/CFO PMPR

Leia o excerto abaixo:

As bombas que os aliados lançaram sobre a Alemanha durante a Segunda Guerra Mundial conseguiram atingir a borda inferior do espaço: a ionosfera se enfraqueceu sob a influência da onda expansiva de tantos explosivos. __________ o efeito tenha sido temporário, chegou a ser sentido nos céus da Inglaterra. __________, os bombardeios alemães, primeiro os da Luftwaffe (a aviação nazista) e, depois, com os foguetes V1 e V2, mal deixaram vestígios na atmosfera.

Assinale a alternativa que preenche corretamente as lacunas acima, na ordem em que aparecem no texto.

a) Embora – No entanto.

b) Ainda que – Por isso.

c) Consoante – Não obstante.

d) Posto que – Logo.

e) Porquanto – Contudo.

As duas alternativas que geraram mais respostas entre os candidatos foram as letras “A” e a letra “B”. Ambas trazem expressões que dão um sentido de ressalva à frase da primeira lacuna. Tanto “Embora” quanto “Ainda que” poderiam ser utilizadas naquele contexto. Assim, é possível eliminar três alternativas prioritariamente: as letras “C”, “D” e “E” estão erradas.

Precisamos examinar a segunda parte, que faz referência à primeira parte do texto, que diz que as bombas alcançaram a ionosfera. Apesar disso, “mal deixaram vestígios”, diz o final do texto. Esse “apesar disso” pode ser substituído pelo “no entanto”, e por isso a letra “A” está correta.

***

Questão UFPR 2019/Prefeitura de Matinhos

Considere o seguinte trecho:

Lúpus é uma doença inflamatória de origem autoimune, ________ os anticorpos afetam órgãos saudáveis do organismo, como pele, rins, cérebro e articulações, entre outros.

Assinale a alternativa que preenche corretamente a lacuna acima:

a) onde.

b) cujos.

c) na qual.

d) no que.

e) quando.

A maioria dos que erraram nessa questão marcou a letra “B”, talvez achando que “lúpus” é uma palavra no masculino plural. Mas a própria questão tira essa possibilidade quando afirma, no feminino singular, que “é uma doença”.

A letra “A” também está errada, pois “onde” só deve ser utilizado para se referir a algum lugar. A resposta correta é a letra “C”, já que a expressão da lacuna introduz uma oração que faz referência à doença lúpus.

Questões sobre o sentido de palavra ou expressão

Questões anteriores - Concurso PMPR

Aqui temos duas questões que exigem do candidato a compreensão do sentido de uma palavra, expressão ou texto. Esse tipo de questão não é uma ciência exata, e geralmente busca aferir o bom senso do candidato, e sua capacidade de entender o significado geral de um texto.

Quanto maior for sua bagagem de leitura, maiores as chances de acertar esse tipo de questão.

Questão UFPR 2015/CFO PMPR

“Existe, sim, o risco do esgotamento. Cansado de tanta notícia ruim e sentindo-se impotente para influir no curso dos eventos, pode ser que o leitor/telespectador afinal desista de se expor a esse tipo de jornalismo que o empurra cotidianamente rumo a um inexorável ‘vale de lágrimas’ mediavalesco.”

Ao criar o termo mediavalesco que finaliza o texto, o autor associa a media/mídia ao termo medievalesco, ou seja, relativo à Idade Média. Sua intenção, com isso, é ressaltar um aspecto dos meios de comunicação que poderia ser resumido pelo termo:

a) avançado.

b) sombrio.

c) truculento.

d) inexorável.

e) filosófico.

A Idade Média é considerada “Idade das Trevas” por muitos historiadores. Não faz sentido nenhum considerar alternativas como as letras “A”, “D” e “E”. Já a letra “C” exagera no sentido, já que não qualquer indício de truculência no texto. A alternativa que traz a melhor interpretação é a letra “B”.

Questão UFPR 2019/Itaipu Binacionl

No trecho “Apesar dos muitos relatos de ‘surtos de fúria’ sofridos por usuários de anabolizantes, esse não é um quadro comum”, a primeira oração estabelece com a segunda uma relação de:

a) causa.

b) condição.

c) finalidade.

d) explicação.

e) concessão.

A primeira medida a ser adotada nessa questão é identificar qual é a primeira oração: “Apesar dos muitos relatos de ‘surtos de fúria’ sofridos por usuários de anabolizantes”. A segunda oração, é: “esse não é um quadro comum”.

Sem fazer essa separação, dificilmente você acertaria a questão.

Perceba que a segunda oração ameniza a afirmação trazida na primeira oração. Não há uma relação de causa e feito, nem de condição, finalidade ou explicação. Essa “amenização” também pode ser chamada de concessão, e por isso a letra “E” está correta.

Dica: sempre que a expressão “apesar de” aparecer no início de uma frase, as chances são grandes de termos uma relação de concessão.

Questões de Entrevista

Tipos de questão PMPR

Por fim, um tipo de questão própria da FUNPAR/UFPR que exige do candidato a capacidade identificar quais respostas servem para determinadas perguntas de uma entrevista (e vice-versa).

É o tipo de questão que pode fazer com que o candidato perca muito tempo, caso não atente para os detalhes das perguntas (que sempre deve ser lida primeiro, já que são menores). Entenda a seguir.

Questão UFPR 2019/Prefeitura de Curitiba

A coluna da esquerda apresenta algumas perguntas uma entrevista dada pela diretora da Nielsen Neuro para a Revista Época. Numere a coluna da direita, relacionando as respostas com as respectivas perguntas.

1. As redes sociais aumentaram o sofrimento das pessoas?

2. E como se vive neste mundo, no qual nosso sistema nervoso não evoluiu?

3. Chegaremos a um equilíbrio entre evolução da espécie e da tecnologia?

( ) Precisaremos de décadas. Nossa sociedade não sabe lidar com a tecnologia disponível. Hoje já vejo pessoas saindo de redes sociais para ter mais qualidade na vida.

( ) Em alguns aspectos, sim. Tudo depende do uso e da faixa etária. A má notícia é a seguinte: o cérebro que temos evoluiu no meio do mato, sem geladeira, supermercado ou smartphone. Ele não está acostumado a lidar com esse monte de opções. Lá atrás, seu cérebro não tinha de lidar com a incerteza sobre a reação de outra pessoa quando se fala alguma coisa no mundo virtual.

( ) Se você é uma criança, ou um adolescente, não deveria ter acesso a tudo o que o mundo virtual oferece. Não tem cabimento uma criança levar smartphone para a escola. Hoje o bullying vai com a criança para casa porque o WhatsApp vai para casa. Já um adulto deveria saber gastar o tempo físico sem deixar que o mundo virtual diminua a qualidade desse tempo.

Assinale a alternativa que apresenta a sequência correta, de cima para baixo.

a) 2 – 1 – 3.

b) 3 – 2 – 1.

c) 2 – 3 – 1.

d) 1 – 2 – 3.

e) 3 – 1 – 2.

Para começar a responder a questão, observe que a pergunta nº 1 aborda um aspecto quantitativo. A pergunta nº 2 aborda um aspecto de modo. A pergunta nº 3 aborda o aspecto temporal.

A primeira resposta já denuncia que trata do aspecto temporal (pois fala em décadas). Assim, devemos marcar o número 3 (anulando as alternativas “A”, “C” e “D”). A segunda resposta é claramente uma resposta sobre o aumento da quantidade de sofrimento: “em alguns aspectos, sim”. Portanto, a resposta certa é a letra “E”.

***

O que achou desse artigo? Deixe um comentário com dúvidas e sugestões de conteúdo. Faço questão de ler e responder na primeira oportunidade que aparece.

Vamos conversando.

Quer mais conteúdo?

Deixe um comentário com dúvidas, pedidos ou sugestões: