Os 7 pecados capitais do Concurseiro Policial - Concurso Policial - o passo-a-passo para se tornar policial

Técnicas de Estudo

Os 7 pecados capitais do Concurseiro Policial

Capitão Danillo
Escrito por Capitão Danillo
Os 7 pecados capitais do Concurseiro Policial
Dicas e técnicas para chegar à aprovação mais rápido

Aprenda a se preparar para o seu Concurso Policial:

Uma das piores sensações que um candidato ao concurso da polícia pode ter é a percepção de que está se dedicando mas não está percebendo evolução, ou não está se sentindo seguro para fazer a prova do concurso.

Muitas vezes, essa sensação faz com que os candidatos desistam da preparação, pois não se sentem capazes ou inteligentes o suficiente para se tornarem policiais.

Mas a verdade é que o problema não está na sua capacidade de aprender, ou na quantidade de inteligência que você tem ou não. Provavelmente você está cometendo um dos 7 erros que vou apontar e comentar neste artigo.

Leia cada um dos “pecados capitais” do concurseiro policial, e deixe um comentário dizendo em qual deles você pode estar enquadrado. Faço questão de ler e comentar na primeira oportunidade que aparece.

Vamos nessa.

1. Não priorizar o concurso

Priorizar o concurso da polícia

Passar no concurso da polícia é uma conquista que vai transformar sua vida completamente: no aspecto profissional, pessoal, emocional, social, financeiro etc. É ingenuidade achar que algo tão impactante na sua vida pode acontecer como um acidente, sem esforço, sem dedicação, sem priorização.

Não existe milagre, não existe técnica mágica. Para passar no concurso da polícia você precisa investir seu tempo nisso. Essa é a “moeda” que vai fazer com que você conquiste a aprovação. Para saber se você está priorizando mesmo o concurso da polícia, vale perguntar: quanto tempo você investe na sua preparação? Quais outras atividades você realiza que poderiam dar lugar aos estudos?

A resposta a essas perguntas deve ser objeto de reflexão e, caso você queira mesmo ser policial, tome as medidas necessárias para isso ser prioridade na sua vida.

2. Não organizar os estudos

Organizar os estudos

É fundamental que a sua preparação tenha um planejamento racional, com uma rotina estruturada de maneira prévia. Você precisa de um plano de longo, médio e curto prazo para deixar seus estudos com previsibilidade. Ou seja: você precisa saber com antecedência o quê você vai estudar, quando vai estudar e como vai estudar.

Sem essa organização, você vai perder muito tempo e energia improvisando na escolha das tarefas da sua preparação. Quando chegar o momento de estudar, você não vai saber o que fazer, principalmente quando sua motivação não estiver muito alta, e o resultado fatalmente vai ser uma preparação de baixa qualidade, deixando de estudar o que é importante e estudando o que não é importante. Isso quando a procrastinação não lhe afetar, já que você não saberá bem o que fazer no momento de estudar.

3. Não estabelecer metas

Metas para o concurso da polícia

Para quem não sabe aonde ir, qualquer lugar serve. Se você não tem noção de quais metas deve alcançar na sua preparação, a tendência é que seus erros não sejam corrigidos. Pelo menos dois aspectos precisam ser avaliados quando você estuda para o concurso da polícia: percentual de acertos de questões e tempo médio para resolução das questões.

O ideal é que você se torne um obsessivo perseguidor das suas metas, fazendo ajustes na sua metodologia de estudo conforme tiver resultados melhores ou piores.

4. Ignorar o Teste Físico

Teste Físico para o concurso da polícia

Em alguns concursos policiais, o índice de reprovação no Teste de Aptidão Física ultrapassa os 30%. Isso mesmo: candidatos que estudaram muitos meses ou anos para chegar à aprovação na prova de conhecimentos acabam sendo eliminados no concurso por causa do teste físico.

Então, a dica é: leve a sério os índices do Teste de Aptidão Física do seu concurso e comece agora a se preparar para superá-los. Além de garantir a aprovação no TAF, praticar atividade física vai melhorar sua capacidade de disciplina e aprendizado, algo essencial para os estudos.

5. Estudar para vários concursos ao mesmo tempo

Estudar para vários concursos policiais

Você pode até projetar a possibilidade de fazer vários concursos no futuro, mas dividir sua atenção em mais de um concurso tende a fazer com que você não tenha sucesso em nenhum deles. Estudar para vários concursos exige uma engenharia muito complexa, que vai dificultar sua priorização, organização e cumprimento de metas.

Se você tem mais de um concurso em seu radar, recomendo que estude para um de cada vez. Cuidado com a síndrome do pato, o animal que nada, anda e voa, mas nada mal, anda mal e voa mal.

6. Não fazer revisões

Revisão para o concurso da polícia

Reler é mais importante que ler. Uma mais importantes técnicas de memorização é a repetição dos conteúdos estudados ao longo do tempo.

É assim que você memoriza datas de aniversário, números de telefone e nomes de pessoas. Tendo contato com esses dados no dia-a-dia, naturalmente sua mente armazena as informações, tornando-as disponíveis para utilização rápida.

Com muitas repetições/revisões do conteúdo, você chegará num ponto em que a memorização será consolidada. É como andar de bicicleta: depois que você aprende, mesmo que passe muito tempo sem montar, consegue pedalar tranquilamente.

7. Não resolver questões

Resolver questões para o concurso da polícia

Resolver questões é outra técnica poderosa de memorização, pois possibilita que você treine na prática os conhecimentos estudados. Além disso, traz os seguintes benefícios na sua preparação:

  • Permite que você conheça como a banca do seu concurso cobra os conteúdos;
  • Permite que você saiba o que mais cai na prova do seu concurso policial;
  • Permite que você saiba antecipadamente o nível de dificuldade que vai ter no dia da prova;
  • Permite analisar seu desempenho.

Resolver questões é prioridade máxima nos seus estudos, independentemente do nível em que você está – iniciante ou avançado.

***

Você está cometendo algum desses 7 pecados capitais?

Deixe um comentário dizendo o que está atrapalhando sua preparação para o concurso da polícia. Faço questão de ler e responder na primeira oportunidade. Dicas, sugestões de conteúdo e materiais são sempre bem-vindas.

Vamos conversando.

Quer mais conteúdo?

Deixe um comentário com dúvidas, pedidos ou sugestões: