Entrevista: o cotidiano de um Tenente PM-MG - Concurso Policial - o maior site sobre concursos policiais do Brasil

Carreira Policial

Entrevista: o cotidiano de um Tenente PM-MG

Danillo Ferreira
Escrito por Danillo Ferreira
Entrevista: o cotidiano de um Tenente PM-MG
Dicas e técnicas para chegar à aprovação mais rápido

Aprenda a se preparar para o seu Concurso Policial:

Uma das sugestões mais importantes para quem pretende fazer um concurso policial é conversar com outros candidatos ao cargo que você almeja, seja na Polícia Militar, seja na Polícia Civil, Guarda Municipal, Polícia Federal etc.

Dessa forma, você tem contato direto com a realidade daqueles que já vivem o cotidiano do cargo almejado. Pior do que não conseguir passar no concurso é ingressar na polícia e se arrepender, tendo perdido tanto tempo de estudo e preparação.

Por isso hoje trazemos uma entrevista com o Tenente da Polícia Militar de Minas Gerais, especialmente para quem tem interesse no Concurso CFO PMMG. O 2º Tenente PM Ely Dias Moreira falou ao Concurso Policial como foi sua preparação e como está sendo exercer a profissão de Oficial da PM-MG.

Ao final da leitura, deixe um comentário dizendo o que achou da entrevista. Confira:

CONCURSO POLICIAL – Como se preparou para o Concurso CFO PMMG? 

TENENTE ELY DIAS – Minha preparação se deu por meio de estudo individual em casa mesmo, tanto para o ingresso como soldado de 2ª Classe em 2007 quanto para o Curso de Formação de Oficiais em 2016.

CONCURSO POLICIAL – Como é a rotina de trabalho do oficial da PM de Minas Gerais?

TENENTE ELY DIAS – A rotina de trabalho varia muito com a função exercida pelo militar. Temos escalas administrativas, operacionais e escalas de plantão (batalhão de operações especiais). No meu caso, exerço a função de Comando Tático, ou seja, minha escala é operacional. Coordeno as viaturas do turno, realizando operações diversas e fiscalizando as atividades das demais guarnições empenhadas. Minha escala atualmente é de 10 horas de serviço, dia sim, dia não, com uma folga dupla na quinta/sexta numa semana e sábado/domingo na outra semana, seguindo assim de forma métrica.

CONCURSO POLICIAL – Quais são as vantagens da profissão?

TENENTE ELY DIAS – Vantagens e/ou desvantagens de alguma coisa costuma ser bastante subjetivo, varia de acordo com o indivíduo. Uma das vantagens que poderia elencar é a possibilidade de atuar em diversas áreas estando na mesma instituição: Meio Ambiente, Trânsito, Operações Especiais, Patrulha Rural, Radiopatrulhamento Tático, Moto Patrulha etc. 

CONCURSO POLICIAL – Quais são os desafios da profissão? 

TENENTE ELY DIAS – O principal desafio é nosso ordenamento jurídico. Nada adianta uma polícia eficaz e produtiva se a lei não garante essa eficácia. Resumindo: para que se entenda bem, temos um famoso jargão: “enxugar gelo”.

“Se o candidato ingressa pensando em estabilidade do cargo público ou pelo salário, pode se tornar uma pessoa infeliz ao longo de sua carreira.”

CONCURSO POLICIAL – Como foi a relação expectativa/realidade após passar no concurso?

TENENTE ELY DIAS – Como sou filho de militar (meu pai serviu 30 anos a instituição Polícia Militar de Minas Gerais), minhas expectativas já se encaixavam dentro da realidade que encontraria quando ingressasse nas fileiras da Corporação, e assim foi.

CONCURSO POLICIAL – O que mudou na sua vida ao se tornar policial?

TENENTE ELY DIAS – Tudo! É como se você se tornasse um outro alguém. Os valores, as responsabilidades, a sensação de pertencimento a um grupo seleto, a mudança de rotina, a impossibilidade de frequentar certos ambientes, o dever de cumprir a nobre missão, saber que sua vida é colocada em risco a todo momento em detrimento do bem-estar do cidadão.

CONCURSO POLICIAL – Valeu a pena?

TENENTE ELY DIAS – Sim, valeu muito a pena. Percorreria todo o caminho novamente.

CONCURSO POLICIAL – Que dicas você daria para quem sonha em seguir carreira?

TENENTE ELY DIAS – Procure saber antes se é vocacionado. Além de ser policial, a pessoa tem que ter em mente que será militar. Como citei em uma pergunta anterior, tudo muda. Existem muitas restrições, abnegações e exige-se muita responsabilidade com os valores cultuados. Os pilares da hierarquia e disciplina sempre serão o sustentáculo por toda sua carreira. Se o candidato ingressa pensando em estabilidade do cargo público ou pelo salário, pode se tornar uma pessoa infeliz ao longo de sua carreira. Ser Policial Militar é um sacerdócio! 

Saiba tudo sobre o Concurso para o Curso de Formação de Oficiais da PM-MG!

Quer mais conteúdo?

Deixe um comentário com dúvidas, pedidos ou sugestões: