Entrevista: o cotidiano de um Soldado do Águia/PMESP - Concurso Policial - o passo-a-passo para se tornar policial

Entrevistas

Entrevista: o cotidiano de um Soldado do Águia/PMESP

Capitão Danillo
Escrito por Capitão Danillo
Entrevista: o cotidiano de um Soldado do Águia/PMESP
Dicas e técnicas para chegar à aprovação mais rápido

Aprenda a se preparar para o seu Concurso Policial:

Já pensou em ingressar na Polícia Militar e trabalhar em uma unidade de aviação policial? Essa é a história do Soldado da Polícia Militar do Estado de São Paulo, Macoot Ribas.

Em entrevista ao Concurso Policial, ele falou sobre os desafios e vantagens da profissão, e como é trabalhar no Águia, a unidade de aviação da PM paulista. Leia e deixe seu comentário ao final:

Concurso Policial: Quando você ingressou na Polícia Militar? 

Soldado PMESP Macoot: Eu ingressei na Polícia Militar do Estado de São Paulo no final de 2012.

Concurso Policial: Como foi a preparação para ser aprovado no concurso?

Soldado PMESP Macoot: A minha preparação começou em 2010, quando já estudava para outros concursos, como o da ESA (Escola de Sargento das Armas), Exército Brasileiro, entre outros. Detalhe: eu já era funcionário público do estado desde 2008.

Concurso Policial: O que mudou na sua vida ao se tornar policial militar?

Soldado PMESP Macoot: Como eu já havia prestado o serviço militar obrigatório, tinha familiaridade com o militarismo, e minha relação era de grande respeito. Após ingressar na PM a admiração só fez aumentar.

Concurso Policial: Valeu a pena?

Soldado PMESP Macoot: Sem dúvidas, valeu muito a pena, apesar de nossa instituição ter muito que evoluir e atualizar, me sinto realizado por poder fazer aquilo que gosto.

Concurso Policial: Como foi a relação entre expectativa e realidade após a aprovação?

Soldado PMESP Macoot: Todas as expectativas foram superadas após a aprovação. Fazia ideia, porém, não imaginava o quão complexa é essa profissão/missão.

Hoje com quase 8 anos de Polícia, trabalho em uma unidade especializada, considerada uma das mais difíceis e mais almejadas dentro da Instituição, o Comando de Aviação da Polícia Militar, o famoso “Águia”.

Concurso Policial:  Como é a rotina de trabalho hoje?

Soldado PMESP Macoot: Somos uma tropa de prontidão, trabalhamos no regime de 12h x 36h (doze horas de trabalho por 36 horas de folga) e apoiamos as demais unidades territoriais e especializadas.

Concurso Policial: Quais são os maiores desafios da carreira?

Soldado PMESP Macoot: Um dos meus maiores objetivos era conseguir concluir os cursos de especialização profissional, como o Operações Especiais, concluído no final de 2014, o de Operações Aéreas, no final de 2018, e o Águia. Os próximos objetivos são os concursos internos para subir minha graduação, como o concurso para cabo e sargento.

Concurso Policial: Quais foram as vantagens que você encontrou na profissão?

Soldado PMESP Macoot: Como já havia dito, considero uma vantagem poder trabalhar com aquilo que gosto e admiro, fora a família que adquiri, pois meus companheiros de farda são meus irmãos.

Concurso Policial: Qual conselho você daria a quem sonha ingressar na carreira policial-militar?

Soldado PMESP Macoot: O conselho que eu dou para quem sonha em ingressar na carreira militar é focar nos estudos, no condicionamento físico e conhecer unidades militares, além de entender o funcionamento, pois a vida militar não é para qualquer um: ela exige vocação.

Quer mais conteúdo?

Deixe um comentário com dúvidas, pedidos ou sugestões: